Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

Na Mista da Palha Blanco Triunfou Manuel Dias Gomes

Na Palha Blanco Manuel Dias Gomes foi o triunfador absoluto, numa tarde/noite de grande acerto de Cláudio Miguel, Amadores do Ribatejo e da Chamusca e com o Adeus emotivo a António Pedro.
08 de Outubro de 2012 - 23:59h Crónica por: - Fonte: - Visto: 1170
Na Mista da Palha Blanco Triunfou Manuel Dias Gomes

Casa muito bem-composta na Palha Blanco para assistir à primeira corrida da Feira do Toiro 2012, que tinha vários atractivos no cartel que justificaram a presença de ¾ de casa sob um calor nada Outonal.

Mais uma vez, Vila Franca apresentou um cartel com o toiro como protagonista, sem os intimidantes pesos de robustas locomotivas como principal chamariz, que na maioria das vezes esbanjam peso em nada mais do que a balança, impondo um mano-a-mano entre as ganadarias Murteira Grave e Ascensão Coimbra, que discutiam dois troféus, o de melhor apresentação e o de bravura.

E para quem acha que não há futuro no toureio a pé em Portugal, então deveria ter estado na Palha Blanco. A assistência era mais do que óptima para uma corrida mista e foi Manuel Dias Gomes o triunfador da corrida, com o público rendido ao novilheiro da capital, tributando-o com aplausos numa tarde/noite que ficará na memória e dizendo que o toureio a pé está vivo e tem futuro, afirmando que pelo menos em Vila Franca ainda tem destaque e é sentido de facto.

No intervalo da corrida o bandarilheiro António Pedro foi ao centro do ruedo e de forma emotiva teve a família para lhe cortar a coleta. Despediu-se nessa tarde das arenas com uma volta à Palha Blanco e muitas, muitas flores.

Luís Rouxinol regressava à Palha Blanco após triunfo na mesma praça a 6 de Maio do corrente ano frente aos Canas Vigouroux. É certo que não repetiu tão sonante feito e que ambas as actuações estão distantes das que rubricou no primeiro terço da temporada, mas não é menos verdade que esteve sempre por cima dos oponentes. O primeiro com que abriu praça pertenceu à divisa Grave. Um negro que recebeu aplausos assim que entrou em praça, com 575Kg de peso e um carácter reservado que foi-se adensando durante a lide, mas que permitiu uma lide correcta ao cavaleiro de Pegões, que terminou com um par de bandarilhas.
No quinto da corrida enfrentou um negro listão da divisa de Ascensão Coimbra e 515Kg de peso, que não complicou e permitiu que Rouxinol bregasse com ladeios e variasse nos cites. Nova actuação correcta onde cravou com acerto e rematou com regra.

A primeira lide de Pedro Salvador foi algo irregular frente a um Coimbra, castanho e com 525Kg de peso. Assente em quiebros pronunciados, passou duas vezes em falso e outros tantos ferros que não fixaram, frente a um oponente que vinha à sela ao reunir. No sexto da corrida, enfrentou um Grave com 590Kg, negro e andarilho. O cavaleiro de Benavente voltou a pronunciar as batidas ao piton contrário nos curtos e só ao quarto ferro e após trocar de montada, é que Salvador se entendeu com o oponente, aguentando junto a tábuas a investida do Grave, efectuando batidas mais ajustadas nos terrenos do astado, cravando três ferros carregados de emoção que ferveram a Palha Blanco em aplausos.

A forcadagem teve uma tarde irrepreensível em Vila Franca, com quatro pegas ao primeiro intento.

Os Amadores do Ribatejo enfrentaram o primeiro Grave da corrida com o cabo João Machacaz a ir à cara do oponente. Teve de desfazer duas tentativas, pois mesmo carregando a sorte o Grave não queria partir. Enquanto mudavam os terrenos do astado, ouviu-se o aviso do director que irou alguns sectores da praça e de pronto o grupo se recompôs e efectuou a pega perante um oponente que partiu a chôto.
Sérgio Carmo viu o Coimbra partir com pata, embateu de forma rija e fechou-se à córnea, com o astado a fugir de imediato ao grupo, tentando despejar o forcado na arena e fazendo o pino. Sérgio Carmo nunca perdeu o contacto e os braços com o oponente até ao grupo chegar e resolver.

Nuno Cruz foi para a cara do primeiro dos Amadores da Chamusca. Viu o Coimbra partir de forma pronta em pleno cite, reuniu de forma dura e com a cara lá bem em cima até ao grupo consumar.
Igor Rabita citou em silêncio, carregou a sorte e fechou-se à córnea, numa viagem em derrotes até ao grupo.

O matador mexicano Arturo Saldivar teve uma tarde discreta em Vila Franca. O terceiro exemplar da corrida pertencia à ganadaria de Murteira Grava, tinha 460Kg de peso, investiu sem som no capote (resultado bem diferente quando MAnuel Dias Gomes o foi provar), e na muleta não teve um passe. No sétimo já noite, o matador Mexicano enfrentou um Coimbra castanho de 465Kg de peso. No capote recebeu o oponente à verónica e rematou com uma meia. Mas na muleta o matador mexicano apenas executou uma série de passes ligados pela mão direita. Tudo o resto esteve aquém do esperado, com uma postura inquieta, pouca plástica e dificuldades diante de um Coimbra que pareceu ter mais fundo do que aquele que Saldivar extraiu.

Manuel Dias Gomes foi o triunfador da corrida. Efectuou duas actuações vibrantes, onde mostrou enorme desembaraço, capacidades e foi efusivamente aplaudido. No quarto da corrida enfrentou um Coimbra de 460Kg de peso, nobre, investiu sempre ao engano e com recorrido, apesar de pouca profundidade nas investidas por ambos os lados. Recebeu-o com uma larga cambiada e seguiu cheio de plástica e arte para um quite de quatro verónicas, rematadas por uma meia no centro do ruedo. Na muleta ligou pelas duas mãos passes atrás de passes ao Coimbra, tirou proveito da nobreza e do recorrido do oponente e sacou “olés” das bancadas, por ambos os pitóns, até o astado protestar.
O último da tarde/noite pertenceu à divisa de Murteira Grave e surgiu em praça com 550Kg de peso. Manuel Dias Gomes voltou a lancear à verónica com arte e viu a quadrilha efectuar um tércio de bandarilhas com Cláudio Miguel em destaque, com dois pares cheios de emoção, na cara do oponente e de cima para baixo. A Palha Blanco retribuiu-lhe com uma merecida ovação.
Na muleta Dias Gomes voltou a conseguir extrair do Grave passes ligados, especialmente pela mão direita, frente a um oponente com menos fundo do que o anterior, mas do qual o novilheiro soube tirar proveito.

No final foram entregues os troféus de melhor apresentação para Murteira Grave e o de bravura para Ascenção Coimbra pelo quarto exemplar da tarde lidado por Manuel Dias Gomes.

Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca

Reportagem fotográfica da primeira corrida da Feira do Toiro de Vila Franca de Xira. Luis Rouxinol, Pedro Salvador, Arturo Saldivar e Manuel Dias Gomes. Forcados do Ribatejo e Chamusca. Toiros Murteira Grave e Assunção Coimbra.
08 de Outubro de 2012 - 22:00h Galeria fotográfica por: Flávio Oliveira
Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Luis Rouxinol Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Forcados do Ribatejo Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Pedro Salvador Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Forcados da Chamusca Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Arturo Saldivar Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Manuel Dias Gomes Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca Fotos da primeira da Feira do Toiro de Vila Franca
Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2017 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a devida autorização.