Entrevista a Pedro Acabado, Cabo Real Grupo de Forcados de Moura, Por Fernanda Rita.

" /> Entrevista a Pedro Acabado, Cabo Real Grupo de Forcados de Moura, Por Fernanda Rita.

" /> Entrevista a Pedro Acabado, Cabo Real Grupo de Forcados de Moura, Por Fernanda Rita.

" />
Sábado, 22 de Julho de 2017
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

Em terra de "caleiros" também se pegam toiros

Entrevista a Pedro Acabado, Cabo Real Grupo de Forcados de Moura, Por Fernanda Rita.

08 de Dezembro de 2010 - 23:12h Entrevista por: - Fonte: - Visto: 2024
Em terra de

 

O Real Grupo de Forcados Amadores de Moura e o mais antigo do Baixo Alentejo, foi fundado no dia 9 de Setembro de 1971, numa corrida de toiros na praça da sua terra, onde pegaram 4 toiros da ganadaria Francisco da Cruz e Crujo.

Com 39 anos de existência, pelo grupo já passaram sete cabos.Foi cabo fundador António Maria Garcia (1971-1973), de (1974-1975) chefiou o seu irmão Franscisco Garcia, no período de (1975-1979) assume o comando do grupo, José Maria Guerreiro, uma das peças fundamentais neste grupo.foi cabo 20 anos, com um interregno de dois anos.De (1979-1983) passa a liderar António Costa, entretanto José Maria Guerreiro faz duas épocas no grupo de Évora, assumindo novamente o comando do Grupo de Moura na época de (1983-1996), ficando a chefia a cargo de António Romão Matado que foi cabo de (1996-1999),passando o testemunho a António José Garcia de (1999-2006). No ano de 2006 Pedro Acabado, actual cabo assume o comando do grupo, actualmente constituido por 28 elementos.

Num ambiente acolhedor e numa conversa descontraida, Pedro Acabado faz um balanço positivo da temporada, revelando em primeira mão ao "Taurodromo" que o Grupo vai lançar em 2011 um livro de todo o seu historial, para assinalar o quadragésimo aniversário.

Taurodromo: Quantas corridas o Grupo pegou esta temporada?

Pedro:Este ano fizemos 19 corridas. onde tivemos corridas importantes como a corrida do Emigrante no Campo Pequeno, a corrida da União das Misericordias nos Açores,as corridas de Moura, que são datas importantntes no calendário tauromáquico, a corrida de 15 de Agosto em Reguengos, pegamos também em Santarém a favor da petiçao lançada pelo Dr. Francisco Moita Flores....

Taurodromo: Que balanço faz da temporada?

Pedro:Esta temporada, e desde que eu sou cabo foi das mais importantes derivado ao número de corridas. A média de corridas que o grupo vinha a fazer era muito baixa, também devido ao excesso de grupos que existem neste concelho. Nós pegavamos quase todas as corridas aqui na zona e agora temos que dividir com esses mesmo grupos ,essas mesmas corridas.

Taurodromo: Quais são os criterios, a ter em conta para escolher o forcado da cara?

Pedro:Os critérios de escolha que se faz para o forcado que vai à cara tem muito haver com o desempenho que tem nos treinos,com a condição fisica do forcado, a tecnica, e com o toiro que está em praça,que é analisado durante a sua lide.

Taurodromo:Quais as caracteristicas fundamentais para ser forcado?

Pedro:Ser aficionado, ter espirito de sacrificio. Ser forcado é algo muito especial,porque se enfrenta um animal selvagem. Tem que se estar bem consciente disso, porque podem acontecer situações graves, como, já aconteceu e acontecem o que é muito normal. Para além disso, é precisso ser companheiro amigo e gostar do grupo onde se está. Neste caso vestir a Jaqueta.

 

Taurodromo:Considera fundamental o papel da Associação de forcados?

Pedro:O papel da Associaçaõ é fundamental, porque nós tivemos um bom exemplo este ano. Fomos pegar aos Açores, e o senhor que organizou a corrida, João Duarte não nos pagou, e logo tivemos a cem por cento todo o apoio da Associação. foi imprescindivel todos os corpos da Associaçao colaboraram connosco para mostrar que somos um grupo digno de andar na festa e cumprimos os requesitos.Se todos os grupos de forcados andassem assim, ia ser muito bom para todos, e a festa ia ser mais honesta.

Taurodromo: Qual a sua posição em relação às bandarilhas de segurança?

Pedro:As bandarilhas de segurança para nós sem dúvida que são mais seguras. Temos exemplos no nosso grupo em anos anteriores com graves lesões com bandarilhas. sem dúvida era uma boa altura para começar a nova época retirando as bandarilhas tradicionais e começar com as novas.

Taurodromo: Como forcado e aficionado como vê o actual estado da Festa em Portugal?

Pedro:Sempre houve boas e más corridas.É pena o país estar numa situaçao de crise e a afluência do público às praças não seja a melhor, acho que tem vindo a piorar de ano para ano. Mas concerteza que há sempre aquelas corridas que marcam e o público está presente, paga o seu bilhete para ver um bom espectáculo.

Taurodromo: Considera importante continuar a divulgar /promover iniciativas favor da Festa Brava?

Pedro:Sim julgo importante. O Dr. Francisco Moita Flores conseguiu mobilizar 50 mil pessoas em dois dias o que não é nada fácil. Acho que é um marco histórico para a tauromaquia no nosso país. Sem dúvida é uma cultura que está bem enraizada quase impossivel de acabar. É uma maneira de dar a entender aos anti-taurinos que nós estamos cá para ficar, isto é nosso e só nós é que fazemos, e que eles têm que nos respeitar.

Taurodromo: Quais as perspectivas do Grupo para a próxima temporada?

Pedro:Para o ano é o quadragésimo aniversário do grupo, vamos fazer uma série de eventos. Vamos tentar arranjar o máximo de corridas possiveis.Desde já em antemão vamos lançar um livro. Em principio será lançado em Dezembro de 2011 com todo o historial do grupo até aos 40 anos, até á corrida comemorativa. vamos também fazer um DVD do Grupo, enfim uma seríe de eventos com o grupo.

Taurodromo:Uma mensagem de Natal para os nossos aficionados....

Pedro:Que este Natal seja de tranquilidade, de sucesso para a próxima temporada. que os sites tauromaquicos tenham muito sucesso e bastantes visitas. E que comecem a falar mais sobre os forcados, a destacarem mais as pegas. Penso que é uma boa maneira se sensibilizar todos os forcados a visitar os sites, e do público em geral respitar a imagem do forcado.

 

 

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2017 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a devida autorização.