Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

O piso mandou na tarde de Ermidas

Meia casa numa tarde em que tudo ajudou, menos o piso. Breve análise e as declarações dos intervenientes.
04 de Abril de 2016 - 02:06h Notícia por: - Fonte: Taurodromo.com - Visto: 987
O piso mandou na tarde de Ermidas

Tarde nublada mas sem chuva, com um cartel interessante e um curro de toiros que prometia.

Pena foi o redondel ter um piso que, à primeira vista não seria problema, mas que o foi, e de que maneira.

Do que pudemos constatar era alcatrão por baixo de uma areia fina, cujo pó atentou contra toureiros e público.

Quem mais sofreu foram os cavalos que, entre escorregões e quedas, levaram alguma emoção aos presentes.

A bem dizer, esteve mau para todos, toiros e toureiros, mas que lá foram cumprindo as ferragens da ordem.

Os cavaleiros tentaram ajudar os cavalos e pediu-se aos peões de brega labor na ajuda.

Viram-se bons ferros, vontade dos toureiros, um curro que se deixou mas que mais não podia devido às condições do terreno.

A segunda parte melhorou nas prestações e todos conseguiram fazer mais e melhor.

Nas pegas os grupos andaram bem, aproveitando para rodar velhas guardas e dar coração às promessas, com alguma dificuldade a recuar e preocupados com o que tinham por baixo dos pés.

Ainda assim, acabou por ser uma boa tarde de toiros, onde todos tiveram que "meter a carne no assador".

Deixamos, em baixo, as declarações dos intervenientes.

Media

Rui Salvador

Francisco Nuncio

Brito Paes

Pedro Maria Gomes - Amadores de Lisboa

José Maria Charraz - Amadores de Beja

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2018 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a devida autorização.