Segunda-feira, 24 de Julho de 2017
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

RAFAEL PEREA “BONI”

Primeiro Matador a confirmar a alternativa no Mexico
27 de Fevereiro de 2011 - 22:01h Pedaços de história por: - Fonte: - Visto: 886
RAFAEL PEREA “BONI”

Poucas semanas passavam da inauguração da Monumental Praça de Toiros de Insurgientes na Cidade do México, quando o diestro Espanhol “Boni”, confirmou a alternativa de Matador de Toiros, facto que ocorreu na Terça-Feira, 26 de Fevereiro de 1946, tendo como padrinho Manuel Rodriguez Sánchez “Manolete” e Luis Procuna, lidaram um curro de toiros da Ganadaria de Torrecilla, curro de fraca apresentação e diferentes condições de lides.

Além do mais a tarde, foi uma tarde de vento forte que muito dificultou o empenho e entrega dos três diestros. Pelo que se pode dizer que a Corrida foi má, mas os matadores fizeram o que lhes foi possível fazer perante as adversidades que tiveram pela frente. Porém todos foram brincados com aplausos por parte dos aficionados presentes.

Tinha este diestro meses antes de terminar o ano de 1945, tomado a alternativa de matador no seu País, mais em concreto na Praça de Toiros de Orizaba.

Rafael Perea “Boni” tinha ganho ambiente como Novilheiro em terras mexicanas depois da sua actuação na anterior praça da capital Mexicana, quando ali actuou a 25 de Junho de 1945. Nesse dia “Boni” recebeu à Verónica um novilho, executando um passe de beleza escultórica, que ainda hoje se pode apreciar pelo povo cercano à Monumental, dado ter sido plasmado.

Fonte: Aplausos Semanário Taurino edição da passada Segunda-Feira, 21 de Fevereiro de 2011.

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2017 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a devida autorização.