Terça-feira, 23 de Maio de 2017
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

O outro Joselito!

Recordando o grande toureiro José Miguel Arroyo "Joselito"
20 de Abril de 2012 - 19:34h Pedaços de história por: - Fonte: - Visto: 1520
O outro Joselito!

 

José Miguel Arroyo Delgado “Joselito”, nasceu em Madrid no dia 1 de Maio de 1969.

Na hora de escolher o seu “apodo”, elegeu nada mais nada menos que o de “Joselito”, nome sonante e de muita responsabilidade ou nao fizesse lembrar o malogrado e grande toureiro sevillano, José Gomez Ortega “El Gallo”.

José Miguel Arroyo Delgado, frequentou a escola de toureio de Madrid e apresentou-se pela primeira vez em público, com a idade de 12 anos, no dia 25 de Julio de 1983 na Monumental de Madrid, toureando num festival de beneficencia a favor das vítimas do desastre natural que ocorrera na Colombia.

Tirou a alternativa em Málaga no dia 20 de Abril de 1986 das maos de Dámaso González, sendo seu padrinho Juan Mora.

Nessa tarde foram lidados exemplares da ganadaria Carlos Núñez, cabendo a “Joselito” o toiro “correvías”, tendo confirmado essa mesma alternativa no dia 25 de Maio das maos de Paco Ojeda e Curro Romero”O Faraó de Camas”.

Em 1987 “Joselito” sofreu uma grave colhida pelo toiro “limonero” da ganadaria de “Peñajara”, perfurando-lhe o pescoço em mais de 10 centímetros e patindo-lhe a clavícula esquerda, levando-o quase à morte e, afastando-o durante algum tempo das arenas.

Voltou em 1988 com um toureio renovado e templado, efectuando faenas mais pausadas e artisticas.

Mestre com o capote e efectuando quase sempre estocadas de morte “à primeira”, revelou-se também um grande mestre da muleta.

Nesse mesmo ano o seu bandarilheiro António Gonzalez “Campeño” faleceu em Las Ventas vítima de uma cornada profunda de um toiro da ganadaría de António Arribas.

“Joselito” conseguiu nos anos seguintes variadísimos triunfos, saíndo em ombros em variadas praças de Espanha, sendo talvez a sua melhor faena a efectuada ao toiro “cordobano” de Anastasio Fernández ,saíndo em ombros pela “puerta del príncipe” na praça de toiros de Las Ventas.

Nessa mesma tarde lesionou-se num pulso com gravidade, lesao essa que jamais o abandonaria.

Em 14 de Abril de 1997 triunfa em Sevilla e é levado em ombros pela “puerta del príncipe” até ao hotel onde estava alojado nos arredores da praça Real Maestranza de Caballería de Sevilha

José Miguel comenta com as seguintes palavras a exigencia do público e aficionados de Madrid, com as seguintes palabras:

“Creo que Madrid y Castilla son una cátedra difícil de pasar”

Retirou-se em 2004 e detem hoje uma ganadaria brava com o seu próprio nome.

 

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2017 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a devida autorização.