Terça-feira, 15 de Junho de 2021
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

" Pocapena " mató a Manolo...

Artigo de José Ferreira a recordar o toureiro valenciano Manuel Granero de Valls.

23 de Dezembro de 2010 - 15:38h Notícia por: - Fonte: - Visto: 1389

" Pocapena " da ganadaria do Duque de Veragua, colhe mortalmente o toureiro valenciano Manuel Granero de Valls, no dia 7 de Maio de 1922 na praça de toiros de Madrid.

Nascido em Valência em 4 de Abril de 1902, tendo tirado a alternativa em 28 de Setembro de 1920 na Praça de Toiros " Real Escuela Maestranza de Caballeria de Sevilha " foi seu padrinho de aletrnativa Rafael " El Gallo " e o grande " Chicuelo " Manuel Jiménez, confirmando a mesma no ano seguinte em Madrid.

Nascido de uma família com algumas posses, cedo descobriu a sua sensibilidade para a música, tornando-se estudante no " Conservatório de Valência ", sendo na opinião de seus professores, um enormíssimo talento, tocando com o seu violino e com apenas 10 anos de idade, obras de Mozart, Verdi, Bethoven e Schubert.

Residente no barrio valenciano de " El Pilar " cedo se deixou atraír pelas corridas de toiros e a beleza da festa brava.

Aos 14 anos debuta como " El niño torero " na praça de toiros de Valência com o nome de " El Granadino ", sendo os comentários dos jornais do dia seguinte, empolgantes, tal era a sua fleuma e postura " delante de el toro ".

Apontado como sucessor de Joselito " El Gallo ", morre em Madrid com uma cornada que lhe perfurou o olho, atingindo-lhe e perfurando-lhe o cérebro, causando-lhe a morte imediatamente.

Quando se preparava para dar a estocada final, investindo com a espada , o toiro colhe-o, levantando-o no ar, várias vezes, e quando este estava " en el suelo " , perfura-lhe a cabeça com um dos seus pitons.

Alguns meses depois desta tragédia, em 1936, também o Duque de Veragua foi fuzilado, durante um episódio da guerra civil de Espanha.

Manuel Granero tinha apenas 20 anos aquando da sua morte.

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2021 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.