Quarta-feira, 30 de Setembro de 2020
Taurodromo.com A tauromaquia mais perto de si.

Lama de Gongora toma a alternativa em Sevilha

Tarde de triunfo para José Maria Manzanares
18 de Abril de 2015 - 20:22h Notícia por: - Fonte: Taurodromo.com - Visto: 775
Lama de Gongora toma a alternativa em Sevilha

Sábado, 18 de Abril de 2015, quarta corrida da Feira de Abril na cidade de Sevilha, com um grande cartel e com uma enorme expectativa em redor do mesmo, pois esperavam os aficionados poder disfrutar de uma grande tarde de toiros na Real Maestranza de Caballeria de Sevilha, a Catedral do toureio a pé, a praça onde dá mais gosto a um aficionado presenciar uma corrida de toiros.

Cartel composto pelos Matadores Enrique Ponce, José Maria Manzanares e Lama de Gongora, que iria tomar a alternativa, como efetivamente aconteceu. Toiros de uma das mais Prestigiadas Ganadarias e sempre desejada pelas Figuras do toureio, Victoriano del Rio e Toros de Cortés (terceiro e quarto).

Toiros desiguais de apresentação e sem casta, nao sendo bem o tipo de toiro para uma praça como é Sevilha, e entre o lote salvaram-se o terceiro e quarto toiros, os quais proporcionaram o corte de uma orelha a cada ao diestro alicantino Manzanares, após duas faenas de muito empenho, labor e entrega.

Lotação esgotada numa tarde de sol e com algumas presenças notáveis nas bancadas da Real Maesranza, como foram os casos de Luis Figo e sua esposa, Juan Bautista e Pedro Gutiérrez "El Capea", Julian López "El Juli" e Marie Sara rejoneadora francesa.

Assim foi a tarde após a  lide dos seis toiros pela terna de matadores:

Enrique Ponce - Silêncio no primeiro e no segundo lote;

José Maria Manzanares - Uma orelha em cada toiro do seu lote, com forte pedido para uma segunda no segundo toiro do lote, o que proporcionaria a saída em ombros pela Porta do Princípe.

Lama de Góngora - Coube-lhe lidar o toiro com o nome de "Amante", com o peso de 532 quilos, de capa negro mulato, brindou a faena à sua mãe, no qual após a sua lide foi ovacionado e muito acarinhado pelo público e no segundo escutou silêncio, tendo brindado a faena deste aos seus colegas de cartel.

Nas bandarilhas, sobressaíram os Bandarilheiros da quadrilha de Lama de Góngora no primeiro toiro da tarde, Curro Javier foi muito ovacionado pelo público, e  Curro Javier e Luis Blásquez da quadrilha de Manzanares no segundo do lote, sendo muito ovacionados igualmente pelo público e merecendo os acordes da Banda Titular da praça por alguns minutos.

Desenvolvido por PrimerDev Lda
Copyright ©2007-2020 Taurodromo.com, Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo, sem a expressa autorização.